Inscreva-se já!
Os maiores nomes do mercado de Cloud Computing Em uma conferência recheada de
negócios, oportunidades e informações

HTC investe em software empresarial em ambiente de nuvem

A HTC Corp. pretende investir R$ 35,4 milhões na Magnet Systems, focada na construção de software empresarial voltado para mobilidade e computação em nuvem. SalesWIN, seu produto mais recente, oferece gestão de vendas para dispositivos Android e Apple iOS através da plataforma Magnet.

A Magnet Systems tem expandido seus negócios, inclusive conclamando arquitetos de computação em nuvem para ajudar no desenvolvimento da plataforma Magnet, bem como arquitetos com perfil de gerenciamento  de produtos baseados em nuvem (com foco em arquitetura REST) e engenheiros de banco de dados. Com o investimento, a HTC passa a ser detentora de 17,1% da empresa.

"O investimento impulsionará o desenvolvimento de recursos sociais, de mobilidade e de computação em nuvem no portfolio de ofertas de serviços da HTC para nossos clientes corporativos", revelou a empresa em comunicado de 20 de agosto. A HTC tem pela frente uma série de concorrentes ferozes nos ambientes móveis e de nuvem, principalmente Samsung e Apple. E, para melhor enfrentá-los, tem estudado perfis e investido em novas aquisições (alguns dos quais tão desastrosos como ambíguos, por sinal).

Em 2011, por exemplo, a HTC investiu milhões na Beats Electronics, uma empresa promissora encabeçado pelo produtor musical Jimmy Iovine e por Dr.Dre, estrela do hip-hop, e integrou a tecnologia de áudio da companhia em seus smartphones, como o modelo HTC Rezound. Cerca de um ano depois, no entanto, a HTC voltou atrás e vendeu metade de suas ações de volta para a Beats Electronics por cerca de 150 milhões de dólares.

Embora tenha perdido dinheiro ao investir na Beats, é pouco se comparado com a reestruturação de ativos da OnLive, de jogos em ambiente de nuvem, que totalizam algo em torno de 40 milhões dólares. (Estima-se que a falta de operação do caixa e consequente nervosismo dos investidores da OnLive foi o que teria levado à declaração de reestruturação da empresa na semana passada).

A HTC poderia ter mais sorte apostando em empresas com foco B2B, em vez de empresas com forte tendência B2C; afinal, empresas B2B geralmente avançam em ritmo deliberado, em grande parte imunes a instabilidades ​​que podem coroar ou desgraçar suas concorrentes B2C. Mesmo assim, o sucesso da nova empreitada dependerá exclusivamente de como a HTC decidirá incorporar suas novas apostas na nuvem em seu portfólio de serviços.

Fonte: SlashCloud [em inglês].

Patrocinadores

Patrocinadores Diamond

UOL Host

Mandic

Patrocinadores Platinum

Rackspace

Patrocinadores Gold

Locaweb

Patrocinadores Silver

Red Hat

SuperMicro

Fusion-io

Neuwald

Patrocinadores Bronze

4Linux - Free Software Solutions

ServerLoft

ShapeBlue

 
Apoio:












Organização:



Promoção:


Mídia oficial:


Mídias de apoio:





Últimas Notícias

28/10/2013

A nova era Cloudnomics
Leia mais

22/10/2013

Para deter os EUA, Brasil e Europa negociam regras comuns para computação em nuvem
Leia mais

15/10/2013

Corretagem na nuvem é tendência para 2014
Leia mais

14/10/2013

CloudConf 2013 aproxima profissionais e fornecedores de serviços para cloud computing
Leia mais

04/10/2013

CloudConf 2013: assista aos vídeos das palestras!
Leia mais

Outras notícias

Mapa do site
Sobre a CloudConf LatAm 2013 Inscreva-se! Programação do evento
Oportunidades de patrocínio LocalizaçãoContato
Últimas notícias Edição anteriorSiga-nos no Twitter