Inscreva-se já!
Os maiores nomes do mercado de Cloud Computing Em uma conferência recheada de
negócios, oportunidades e informações

eXo Cloud IDE oferece integração com Google App Engine

Embora anúncios de hardware como o tablet Nexus 7 e o Google Glass tenham dominado o Google I/O, os desenvolvedores são ainda o foco principal da conferência e vários fornecedores de TI estão tratando de usar esse holofote para empurrar produtos que de alguma forma tiram proveito do extenso portifólio de ofertas do Google. Um deles é a eXo, que comercializa ambiente de desenvolvimento integrado com a nuvem conhecido como eXo Cloud IDE. A empresa anunciou o serviço em 28 de junho e agora fornece integração com o Google App Engine - o que significa que desenvolvedores que criam aplicativos Python ou Java para a plataforma podem construir, debugar e implementar através do browser.

Uma das razões pelas quais plataformas baseadas na nuvem de desenvolvimento como um todo estão em ascensão no momento é, justamente, o fato de possibilitarem aos desenvolvedores que possam trabalhar de qualquer lugar onde estiverem. Além da eXo, outras empresas oferecem a capacidade de criar código através do browser; a Cloud9 IDE, por exemplo, permite que equipes de desenvolvimento colaborem em tempo real sobre um mesmo pedaço de código, podendo inclusive trabalhar offline.

No entanto, muitas dessas empresas não se integram com o Google App Engine - pelo menos não ainda. "Agora que suportamos Python e estamos trabalhando com o Google em algumas de suas novas APIs para I/O, devem haver alguns avanços nesse sentido", disse um porta-voz da Cloud9.

Isso deixa o eXo livre - pelo menos no momento - para explorar ao máximo sua conexão com o Google. A empresa desenvolveu o projeto durante dois anos, com foco em características de integração em ambiente de nuvem para serviços principais; Ambientes de plataforma-como-um-serviço (PaaS) suportados incluem o OpenShift, da Red Hat, Heroku, da Salesforce, CloudBees e o Cloud Foundry da VMware. Desenvolvedores conectados a um cloud IDE no GitHub ou Google App Engine têm um onramp[http://en.wikipedia.org/wiki/On-Ramp_Wireless] bastante rápido para a publicação de um aplicativo online.

Benjamin Mestrallet, fundador e CEO da eXo, explicou as razões de sua empresa focar em Java e Python como ambientes suportados. "Quando você olha para ambientes PaaS, todos são em Java", disse ele em entrevista. "De alguma forma o mercado está na nuvem privada ou na nuvem da empresa, e todas essas nuvens são Java ou .NET", concluiu. E acrescentou: "Java é onde está o dinheiro da empresa e chegaremos ao mercado onde o dinheiro da empresa estiver aplicado no momento".

O pleno suporte da empresa ao Java foi liquidado com a aproximação do Google e seu interesse em integrar APIs com o Google App Engine. Isso poderia ajudar a eXo a afastar a concorrência em uma arena cada vez mais disputada para ambientes baseados em nuvem para desenvolvedores.

Fonte: SlashCloud [em inglês].

Patrocinadores

Patrocinadores Diamond

UOL Host

Mandic

Patrocinadores Platinum

Rackspace

Patrocinadores Gold

Locaweb

Patrocinadores Silver

Red Hat

SuperMicro

Fusion-io

Neuwald

Patrocinadores Bronze

4Linux - Free Software Solutions

ServerLoft

ShapeBlue

 
Apoio:












Organização:



Promoção:


Mídia oficial:


Mídias de apoio:





Últimas Notícias

28/10/2013

A nova era Cloudnomics
Leia mais

22/10/2013

Para deter os EUA, Brasil e Europa negociam regras comuns para computação em nuvem
Leia mais

15/10/2013

Corretagem na nuvem é tendência para 2014
Leia mais

14/10/2013

CloudConf 2013 aproxima profissionais e fornecedores de serviços para cloud computing
Leia mais

04/10/2013

CloudConf 2013: assista aos vídeos das palestras!
Leia mais

Outras notícias

Mapa do site
Sobre a CloudConf LatAm 2013 Inscreva-se! Programação do evento
Oportunidades de patrocínio LocalizaçãoContato
Últimas notícias Edição anteriorSiga-nos no Twitter